TV Estadão

Barroso classifica escutas como 'ato gravíssimo'

  • 17/05/2016

  • STF
A segurança do STF identificou uma escuta telefônica no gabinete do ministro Luís Roberto Barroso. O equipamento estava desativado e foi encontrado há cerca de duas semanas durante uma varredura de rotina nos gabinetes.
  • 0 Avaliações

  • 523 Visualizações