TV Estadão

Top Agro: Safrinha de milho 2018/19 terá custo maior, mas produtor tem espaço para investir

  • 14/09/2018

O pesquisador Mauro Osaki, do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq), destaca que os preços remuneradores do cereal, sustentados por quebras de produção em alguns Estados e dólar forte, mais do que compensam o encarecimento de itens que compõem os custos do milho
  • 1 Avaliações

  • 0 Visualizações